Rss Feed
  1. Óleos Ayurveda

    quinta-feira, 28 de julho de 2011

    Óleo essencial é o nome dado as substâncias extremamente aromáticas obtidas de plantas – flores, folhas, raízes, resinas e madeira. Estas substâncias possuem de forma concentrada uma grande quantidade de substâncias químicas com intenso potencial fitoterápico. O estudo das diferentes formas de utilizar estas substâncias é popularmente conhecido como Aromaterapia, mas o termo mais apropriado e abrangente para este estudo em sua integridade é Aromatologia ou, o estudo dos efeitos e das propriedades dos óleos essenciais considerando a utilização externa (inalações, massagem e cosmética) e interna, com todos os aspectos relacionados a sua terapêutica: clínicos, psicoemocionais e energéticos.

    Na ayurveda o uso terapêutico dos óleos essenciais vem sendo utilizados a milhares de anos e é descrito em grande parte dos livros, relacionando os aromas e seus efeitos sobre os doshas (biótipos). A metodologia deste estudo é o mesmo aplicado às plantas medicinais: o conceito de rasa (sabor), virya (potência), vipak (efeito pós digestivo ou a longo prazo) e prabhava (efeito místico). Na terapia ayurvédica, usa-se o óleo essencial apropriado para o biótipo do paciente diluído no óleo para aplicação de massagem abhyanga – para que seja absorvido pela pele, como componente das fórmulas dos lepas e emplastos, no vapor do swedana e inalações e puros, aplicados localmente sobre os pontos marmas.

    O olfato é, dos órgãos dos sentidos, o mais sensível e o primeiro a ser percebido pelo cérebro. Cada pessoa reage de uma maneira ao entrar em contato com uma cheiro pois todos possuímos uma identidade olfativa construída a partir de nossas experiências emocionais. Estas experiências e cheiros ficam registradas e associadas a muitas memórias, assim quando sentimos um cheiro que desperta alguma memória importante logo incorporamos a emoção a que aquele cheiro está associado.
    Os óleos essenciais - além de despertar estes aspectos individuais, possuem devido a sua composição química a capacidade de provocar respostas fisiológicas e endócrinas no organismo através do sistema límbico e nos nervos olfativos. Por esta razão, a terapia com óleos essenciais é tão eficaz para estimular reações de comportamento e trabalhar traumas antigos e vícios emocionais.
    Assim, conhecendo um pouco dos padrões psicoemocionais que cada dosha tende a assumir e estudando tanto com a visão ayurvédica como com a função bioquímica as propriedades dos óleos essênciais, estas informações podem ser cruzadas para desenvolver com mais precisão um tratamento clínico, sendo na aplicação dos óleos externamente quanto internamente.

    Óleos para Vata
    (cítricos, doces, quentes e resinosos)
    Patchouli, lavanda, gergelim, bergamota, ylang-ylang, cravo, erva doce, capim limão, cedro, laranja e jasmim e néroli.

    Óleos para Pitta
    (frescos, doces, herbáceos e florais)
    Sândalo, camomila, côco rosa, vetiver, gerânio, sálvia esclaréia, hortelã-pimenta, mirra, olíbano, petigrain, manjerona e lótus.

    Óleos para kapha
    (quentes, estimulantes e depurativos)
    Canela, cálamo, gengibre, gerânio, cânfora, eucalipto, tomilho, mostarda, manjericão 

    Óleos mais usados na India

    1. Óleo de Mostarda
    Este é um óleo muito popular de massagem na Índia (alivia dores musculares dos lutadores e fisiculturistas). O óleo de mostarda é amargo, picante, leve e amornante, destrói as doenças causadas por Vata e Kapha, aumenta Pitta e o calor corporal. Nos casos de dores articulares e reumatismo, a associação do óleo de mostarda à cânfora traz bons resultados. 

    2. Óleo de Gergelim
    É um dos óleos mais populares no Oriente, muitas vezes utilizado como base para outras formulações de óleos medicinais. O gergelim possui sabor doce, amargo e adstringente, além de propriedades amornantes. Este óleo, segundo a tradição indiana, é indicado nas doenças causadas por Vata e Kapha aumentados e aumenta o Pitta corporal. Esta planta é rica em substâncias antioxidantes, aminoácidos e minerais, sendo indicada em alterações do sistema nervoso, inchaços, pele seca (aumento de Vata ), nutrição dos cabelos (é muito usado para massagem na cabeça ) e reumatismo. Uma massagem na planta dos pés com este óleo antes de deitar tem forte poder calmante sobre o organismo, favorecendo o sono. 

    3. Óleo de Côco
    É usado como base em muitos cosméticos e sabonetes. A planta apresenta sabor doce e propriedades refrescantes, por isto está indicada nas pessoas com Pitta (fogo) aumentado no corpo. Na Índia, este óleo é comumente utilizado nas queimaduras, eczemas e micoses pela sua propriedade anti-séptica. É muito utilizado pelas mulheres no Oriente, pois deixa os cabelos saudáveis e bonitos.
    A massagem com óleo de côco refresca o calor corporal e auxilia o corpo a absorver mais Prana (energia) do ar. Na Índia, o côco é considerado uma fruta sagrada com muitas propriedades medicinais. 

    4. Óleo de Amêndoas
    É um excelente óleo para massagem, sendo muito usado na Índia nas crianças e idosos. Possui propriedades mornantes e sabor doce; é indicado para pessoas que tem Kapha aumentado no corpo. Deve-se colocá-lo no sol por 40 dias para aumentar suas propriedades terapêuticas; muitas vezes é misturado com leite e usado como tônico pelos lutadores indianos. Quando utilizado na massagem, é ótimo para os músculos, aumenta a vitalidade, sendo indicado para inchaços e securas da pele. 
    No Oriente também é indicado para melhorar a saúde dos cabelos e do sistema nervoso. 

    5. Óleo de Rícino
    Possui sabor doce, amargo e adstringente e propriedade quente. Está indicado para pessoas com Vata umentado, pois alivia a secura da pele. O óleo de rícino possui propriedades curativas e nutridoras e um efeito alcalino no corpo. Para uso oral, está indicado para constipação, gases, cólicas e úlceras. Também auxilia na eliminação de toxinas acumuladas devido a problemas digestivos e atua como afrodisíaco, quando misturado ao leite, aumentando a longevidade.

    Aromaterapia e os Chakras 

    Podem ser aplicados, (sempre misturados com óleo vegetal) directamente no local dos Chakras. 

    Chakra Base: Gengibre, Vetiver
    Chakra do Umbigo: Patchouli, Salvia, Cedro, Ylang Ylang
    Chakra Plexo Solar: Sândalo, Lavanda, Erva Doce
    Chakra Cardíaco: Rosa, Lavanda, Sândalo
    Chakra Laríngeo: Tea Tree, Sândalo
    Chakra do Terceiro Olho: Manjericão, Jasmim, Lavanda, Sândalo
    Chakra da Coroa: Mirra, Sândalo

    Aromaterapia e Usos Específicos 

    Depressão: Ylang Ylang, Salvia Esclaréia, Jasmim
    Queimaduras: Lavanda
    Náusea: Lavanda, Rosa e Gerânio: algumas gotas numa bacia com água quente, respire no vapor
    Queimadura de sol: Lavanda ou Menta Piperita, banho de imersão
    Purificação de ambientes: Manjericão, Sândalo, Lavanda, Mirra
    Pés: Escalda pés. Use Menta Piperita numa bacia com água quente
    Dor de dente: Cravo ou Menta Piperita

    Cuidados:

    • nunca ingira óleos sem orientação especializada pois as dosagens e tempo de tratamento são muito específicas, podendo correr risco de intoxicação;
    • Muito óleos essenciais são irritantes para a pele e podem causar queimaduras de utilizados em dosagem alta – como a canela e o tomilho, sempre faça um teste de sensibilidade antes de aplicar em uma área muito extensa;
    • Óleos cítricos como a bergamota, possuem fotocumarinas e causam manchas na pele se associados a exposição solar;
    • Nunca faça uma sessão com óleo essencial (via inalação ou no aromatizador) em um ambiente fechado.
    • Observe algumas diluições: para 100ml de óleo carreador são suficientes 5-15 gotas de óleo essencial, em aromatizadores a dosagem cai para 3-5 gotas, dependendo da potencia do óleo.
    • Cuidado com essências, elas podem até parecer com óleo essencial num primeiro momento, mas após 10 minutos podem causar dores de cabeça, além de não possuírem potencial terapêutico, limitando-se a um cheiro.
    • Óleos essenciais de qualidade são caros devido a quantidade de planta necessária para sua extração, desconfie de óleos batizados. Marcas de confiança: WNF, by Samya, Laszlo ou Aromalândia.


    www.penny-price.com/
    www.laszlo.com.br
    |